É possível conciliar carreira e negócio próprio?

conciliar-carreira-negocio-proprio

Empreender é o sonho de muitos, afinal ser dono do seu próprio negócio é uma forma de garantir um pouco mais de segurança e de autonomia financeira. Mas, mesmo assim, ainda há quem tenha receio em deixar um emprego estável para começar seu próprio negócio, principalmente pela insegurança de não obter sucesso como empreendedor e terminar sem um negócio próprio e sem emprego. No entanto, existem soluções para contornar esse medo e começar a empreender sem abandonar o emprego no primeiro momento. Leia e saiba mais:

É preciso se organizar:

Em primeiro lugar, é preciso ter em mente que você terá que trabalhar bastante. Principalmente no começo do seu negócio. Por isso, se você não for organizado, as chances de tudo dar errado são consideráveis. Empreender por si só já exige muita dedicação. Então, se o desejo for conciliar essa função com o emprego atual, é preciso ser extremamente organizado e equilibrado para que não deixe a desejar em nenhuma das tarefas. Se você acredita que não tem capacidade suficiente de organização, talvez seja o caso de repensar sobre empreender enquanto mantém o seu emprego.

Franquias são uma boa opção:

É claro que gerenciar uma franquia também exige trabalho. Mas caso você esteja pensando em começar a empreender antes de deixar seu emprego fixo, franquias podem ser uma opção melhor. Não só por serem empreendimentos que têm mais chances de sucesso, como também pela comodidade de ter um modelo de negócios já pronto e poder contar com o know-how e o suporte da empresa franqueadora.

Considere uma sociedade:

Lidar com dois empregos ao mesmo tempo realmente não é das tarefas mais fáceis. Mas também está longe de ser impossível. Porém, para que as coisas não pesem tanto para você, talvez seja interessante cogitar uma sociedade. Ao dividir o trabalho com um sócio, fica mais fácil conseguir conciliar o começo de um negócio com o seu emprego formal. Afinal, vocês podem dividir responsabilidades e até compromissos de maneira a não ficar muito pesado para ninguém.

Empresas B2B são boas opções:

Outra boa dica é optar por negócios que não necessariamente precisem do contato direto e constante com o cliente final. É o caso de empresas B2B (Business to Business). Essa forma de negócio, como o próprio nome em inglês sugere, são empresas que vendem diretamente para outras empresas. Esse modelo em geral, é mais seguro, pois conta com contratos mais longos e também exige menos gastos com funcionários e no atendimento ao cliente. Resumindo, se organizar em um negócio B2B acaba por ser bem mais simples do que em uma empresa B2C.

Se você tem o sonho de empreender, mesmo que seja para continuar em seu emprego formal nos primeiros meses, você precisa conhecer a Amiste Café. Somos uma empresa pioneira no segmento de aluguel de máquinas de café e, além disso, trabalhamos no modelo B2B, o que te dá muito mais estabilidade e segurança. Temos franquias espalhadas por várias regiões do país e franqueados satisfeitos. Para saber mais, visite nosso site e fale conosco!